Postagens e repostagens daquilo que merece ser compartilhado: o nosso universo geek.

Posts com tag “Nintendo

Contando os dias

Faz algum tempo que a engenharia não me deixa encostar na minha coleção de vídeo-games, mas certamente que esse será um dos primeiros jogos ao qual darei sequência ao término desse ano. Super Mario Galaxy é gigantesco, mas é incrível!

E você, já faz planos para o final do ano!?

Flavio Martins.

Anúncios

Imagem

What is classic, is classic.

What is classic, is classic.


Sadismo, o retorno.

Tinha um N64 e não o tem mais?

Bom, tirando da reta os casos em que você precisou vender seu N64 por motivos de força maior ou nunca teve um, o sadismo, espero, não servirá.

Flavio Martins.


Momento sadismo.

Sabe aquele seu vídeo-game antigo, aquele que você vendeu para comprar um mais novo, aquele que você nem sabe onde foi parar? Então, como eu sou sádico, vou postar algumas das belezinhas que poderiam estar diante de você agora.

“You can see’em, but can’t touch them”

E isso é só o começo. Esperem pelo próximo post…

Aliás, pensando bem, acredito que vários aqui são daqueles que mantiveram seus queridos consoles antigos consigo. Você é um desses? Se é, deixe um comentário falando sobre os seus itens de coleção relacionados ao Nintendo 64, para que os outros leitores possam se lembrar de algum periférico ou jogo que possa tê-los marcado. Mais tarde – ou amanhã cedo – eu posto a segunda parte, com outras imagens legais do N64; inclusive, algumas que seriam wallpapers lindos!

Flavio Martins.


Eu só me lembro…

Uma coisa que me marcou bastante a infância, foi um McDonalds próximo à Paulista. Não sei quantos existem por lá, mas esse é bem destacável: ele era bem grande, tinha um verdadeiro playground e estandes para se jogar N64!

Recentemente, muito infelizmente, descobri que eles reformularam essa unidade da franquia McDonalds. As pinturas da turma clássico (Ronald, Papa Burguers, Bird e Shake) foram retiradas das paredes, o parquinho gigantão, demolido. Os N64, provavelmente viraram sucata. Enfim, só tristeza…

Mas se tem uma coisa que me marcou de verdade – fora o sabor do lanche do McLanche Feliz – foi jogar Banjo em um daqueles consoles! Nossa, era incrível. Eu não tinha condições financeiras para adquirir um N64 na época. Aliás, era tão mais humildezinho, que nem sabia que aquilo era um N64! Só sabia que aquele vídeo-game era mágico, ainda mais com aquele controle.

Tristezas à parte, jogar aquilo foi, com toda a certeza, parte determinante da minha vida. Eu ia ao McDonalds, brincava no playground, comia e, antes de ir embora, jogava um pouco de Nintendo 64… E depois eles não querem que as crianças gostem tanto dessas franquias de lanchonete! Era bem um paraíso aquilo. 

Flavio Martins.


Samus e Master Chief

Desligo meu Xbox 360, no qual jogava Halo 3, para continuar o walktrough de Metroid Prime 3: corruption no Wii. Foi quando eu pensei: dois personagens de mundos diferentes, mas com tanto em comum. Têm que ter um post com os dois protagonistas lado a lado. Isso vai existir! E aqui está:

.

Com toda essa história de gamewars, é inevitável pensar na luta do Master Chief contra a Samus Aran, mas como eu estou muito fora dessa linha de pensamento, andei imaginando como seria o casamento das duas figuras. Me desculpem os fãs, mas me parece um casal mais interessante e promissor que Mario e Peach.

O que acha?

.

.

.

.

.

Flavio Martins.